Braga, sábado

Advogados no Tribunal de Família

Regional

19 Dezembro 2020

Redação

Bastonário da Ordem dos Advogados visitou as actuais instalações do Tribunal de Família e Menores de Braga, que ainda este mês se muda para os Granjinhos. Ordem pondera ficar com instalações.

Luís Menezes Leitão, bastonário da Ordem dos Advogados, visitou esta semana as ainda actuais instalações do Tribunal de Família e Menores de Braga (TFMB), acompanhado por Ana Cristina Santos, actual presidente da Delegação de Braga da Ordem dos Advogados.

A visita foi ainda acompanhada por Artur Dionísio, juiz presidente da Comarca, e Conceição Braga, administradora judiciária.

Para além de pretender inteirar-se pessoalmente das “deficientes e lastimosas” condições em que os advogados da Comarca têm vindo a exercer as suas funções naquele Tribunal, particularmente após a pandemia, poderá pairar no horizonte uma mudança das instalações da Delegação de Braga para este Tribunal, propriedade do IGFEJ.

Em Novembro foi anunciado que o TFMB vai mudar para um edifício na rua dos Granjinhos, por cima da Loja do Cidadão, face à exiguidade das actuais instalações e para permitir o distanciamento imposto pela Covid-19.

A Delegação de Braga da Ordem dos Advogados é uma das maiores Delegações do país, sendo que as suas exíguas instalações não se coadunam com a sua dimensão, “nem tão pouco lhe conferem a dignidade que se impõe a uma Delegação da Ordem dos Advogados que representa cerca de 900 advogados”, notou o bastonário.

Os actuais órgãos dirigentes, que tomara posse a 20 de Janeiro do corrente ano, têm desenvolvido esforços, nomeadamente junto do Município de Braga, no sentido de encontrar soluções, no entanto, “sem qualquer sucesso”.

Numa altura em que o TFMB se prepara para mudar de instalações, “poderá a Delegação de Braga da Ordem dos Advogados vir a dispor de nova casa, que lhe permitirá exercer cabalmente a sua função de interesse público”.

Deixa o teu comentário