Braga, quarta-feira

Câmara de Braga avança com classificação da fonte do Campo das Hortas

Regional

16 Junho 2021

Lusa

A Câmara de Braga iniciou o procedimento para a classificação da fonte do Campo das Hortas como monumento de interesse municipal, segundo anúncio hoje publicado em Diário da República.

No anúncio, o vereador Miguel Bandeira, que tutela o Património, refere que “não se justifica a criação de uma zona especial de proteção”, dado que aquela fonte se encontra inserida na Área de Reabilitação Urbana do Centro Histórico e integrada na Zona Especial de Proteção do Arco da Porta Nova, classificado como Monumento Nacional.

Segundo a proposta aprovada em maio pelo executivo municipal, trata-se de uma fonte de estilo Maneirista, construída pelo mestre pedreiro Manuel Luís, entre 1594 e 1604.

A fonte foi mandada erigir pelo arcebispo Frei Agostinho de Jesus, para colocar no Campo de Sant’ana.

Em 1865, foi desmontada e trasladada para a Praça do Comércio, onde permaneceu até 1914, data em que foi novamente mudada para o Campo das Hortas, no meio de um jardim de cariz romântico.

Segundo a Câmara, trata-se de um monumento de “elevado valor cultural, histórico, patrimonial, artístico e turístico”.

Deixa o teu comentário