Braga, segunda-feira

Câmara de Guimarães investe 3 ME em estrada que liga três freguesias

Regional

27 Janeiro 2020

Redação

A obra de reperfilamento da Estrada Municipal 582, que liga Fermentões, Pencelo e Selho S. Lourenço, em Guimarães, vai arrancar em breve, num investimento de cerca de três milhões de euros, anunciou hoje o município.

A obra de reperfilamento da Estrada Municipal 582, que liga Fermentões, Pencelo e Selho S. Lourenço, em Guimarães, vai arrancar em breve, num investimento de cerca de três milhões de euros, anunciou hoje o município.

Em comunicado, o município refere que em causa está “um projeto completo” e não “uma simples repavimentação”.

”Se a intenção fosse apenas uma simples repavimentação, a obra já estaria feita há muito tempo, mas queremos um arruamento urbano, desde Fermentões, Pencelo e Selho S. Lourenço, numa zona densamente urbanizada, pois merece um espaço físico com arborização, iluminação, estruturas urbanas, passeios e isso leva mais tempo”, refere o presidente da Câmara, citado no comunicado.

Domingos Bragança adianta também que o projeto de requalificação para a zona do Parque Industrial de Pencelo está em curso, com vista ao avanço de obras “ao fim de vários anos, de modo a que as empresas que lá estão sintam que estão bem e tratem das suas ampliações”.

A intervenção na Estrada Municipal 582 tem como base a mitigação das debilidades existentes, nomeadamente nas pavimentações e organização espacial, permitindo a melhoria da mobilidade, com a introdução de percursos pedonais interligados (passeios) e organização do parqueamento automóvel.

Tudo para conceder à população “outras condições e possibilidade de uso de meios de mobilidade alternativos, bem como melhores acessibilidades”.

No final da reunião de Câmara de hoje, e no âmbito das obras comparticipadas pelo Estado central, Domingos Bragança adiantou ainda o início do desnivelamento da rotunda de Silvares, enquanto se aguarda que o projeto para o posto da GNR de Lordelo seja contemplado no Orçamento de Estado.

Destacou também o projeto elaborado pela Universidade do Minho para a construção do edifício do Campus da Justiça, junto ao Parque da Cidade.

Deixa o teu comentário