Braga, terça-feira

Câmara de Guimarães investiu 2,3 ME em transportes públicos

Regional

09 Janeiro 2021

Redação

Investimento permitiu cobrir os custos do sistema de transportes públicos no concelho durante o período da pandemia da Covid-19.

A Câmara Municipal de Guimarães investiu, em 2020, mais de 2,3 milhões de euros no sistema de transportes rodoviário de passageiros. O investimento permitiu a manutenção do sistema de transportes a partir do mês de Abril e durante o período de pandemia.
 

O investimento foi acompanhado de apoios financeiros aos utentes.

 
Durante os meses de Abril, Maio e Junho do ano passado, o município vimaranense assumiu o custo integral da oferta do serviço público de transporte de passageiros a nível municipal. Ao mesmo tempo foi feita uma comparticipação de 50 por cento do valor dos passes mensais não bonificados a todos os residentes no concelho. Esta acção acabaria por ser aprovada para o territorio da Comunidade Intermunicipal do Ave. Foram, ainda, mantidas as demais medidas vigentes do PART, com a assunça?o de 41,5 por cento, num montante de 7,10 euros, e do passe da Linha Cidade aos assinantes do passe da CP – Comboios de Portugal, com origem / destino em Guimara?es. A estes apoios acresce a comparticipação de 50 por cento do passe em transporte público regular para crianças ou jovens, até aos 18 anos - Passe Sub-18, no mês de Agosto, período de férias escolares não abrangido pelo passe escolar.

 
A autarquia manteve, ainda, o transporte público gratuito para os alunos do ensino básico e secundário, que residam a mais de tress quilómetros do estabelecimento de ensino, ou a sua reduça?o em 50 por cento, no caso dos alunos que residam a uma distância inferior a 3 quilómetros do estabelecimento de ensino.


Os utentes reformados, com idade compreendida entre os 60 anos e os 65 anos, e valor da pensa?o igual ou inferior ao salário mínimo, te?m direito ao Passe Reformado e o município assume ainda a comparticipaça?o de 50 por cento na aquisiça?o do passe social dos Transportes Urbanos de Guimara?es (TUG), para pessoas com um grau de incapacidade igual ou superior a 60 por cento, com possibilidade de acompanhante gratuito, nos casos em que o referido seja igual ou superior a 80 por cento.

Deixa o teu comentário