Braga, quinta-feira

Campeonato Europeu de Atletismo EMACI em Braga adiado para janeiro de 2021

Desporto

04 Março 2020

Lusa

O European Master Athletics Championship Indoor (EMACI 2020), que ia decorrer em Braga de 15 a 21 de março, foi adiado para 2021 "face aos recentes desenvolvimentos em torno do novo Coronavírus", anunciou hoje a câmara de Braga.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Câmara Municipal de Braga explica que aquela decisão, tomada em conjunto com a Associação Organizadora do European Master Athletics Championship Indoor (EMACI 2020 Braga) "respeita, assim, a recomendação unânime da Comissão Municipal de Proteção Civil de Braga" e o despacho governamental que refere a "Suspensão de eventos ou iniciativas públicas, realizados quer em locais fechados quer em locais abertos ao público".
 

Esta medida, explica o texto, "resulta da análise de risco, através de critérios definidos pela informação 6/2020 da Direcção-Geral da Saúde (DGS), que classificam o 'EMACI 2020 Braga' um evento de risco extremamente elevado".
 

Como elementos de risco, a autarquia enumera os factos de "ser uma competição efetuada principalmente em recinto fechado, com volume de participantes superior a 3.200 pessoas e com uma média de idade particularmente elevada (grupo de risco)".
 

Refere ainda o texto que "o evento reúne participantes provenientes de 51 países, alguns com forte incidência do COVID-19 e vários originários de áreas com transmissão comunitária ativa daquele vírus" e que a "duração, alojamento e as viagens inerentes ao evento".
 

Segundo a autarquia, foi ainda ponderado que "quaisquer medidas de contenção que pudessem ser adotadas para reduzir o risco de disseminação da doença não seriam, no contexto desportivo em que seria realizado, garantia suficiente para reduzir o risco de transmissão da doença".
 

"Perante o exposto, e face à impossibilidade de assegurar a segurança e a saúde dos participantes, organização, juízes e voluntários, mas também da própria cidade e seus habitantes, a decisão passou por adiar o evento, que irá decorrer de 10 a 17 de janeiro de 2021.
 

O surto de Covid-19, detetado em dezembro, na China, e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou cerca de 3.200 mortos e infetou mais de 93 mil pessoas em 78 países, incluindo cinco em Portugal.
 

Das pessoas infetadas, cerca de 50 mil recuperaram.
 

Além de 2.983 mortos na China, há registo de vítimas mortais no Irão, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Hong Kong, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América e Filipinas.
 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional e aumentou o risco para "muito elevado".

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho