Braga,

Carlos Carvalhal confirma abordagem de clubes grandes por jogadores do Rio Ave

Desporto

22 Junho 2020

Redação

O treinador do Rio Ave, Carlos Carvalhal, confirmou hoje que há futebolistas do plantel vila-condense a serem "cobiçados por clubes grandes' de Portugal, Espanha e Inglaterra".

O treinador do Rio Ave, Carlos Carvalhal, confirmou hoje que há futebolistas do plantel vila-condense a serem "cobiçados por clubes ‘grandes' de Portugal, Espanha e Inglaterra".

O técnico partilhou a informação durante a antevisão do jogo com o Vitória de Setúbal, de terça-feira, da 28.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, considerando que esse interesse é uma consequência do "futebol positivo" que a sua equipa tem apresentado.

"Ficamos satisfeitos ao saber dessas abordagens a vários jogadores do Rio Ave. São muito cobiçados por clubes ‘grandes' portugueses, de Espanha e Inglaterra. É sinal do crescimento da equipa, com mérito dos atletas, mas também da qualidade de jogo e do futebol positivo que estamos a mostrar esta época", disse Carlos Carvalhal.

O treinador abordou este assunto no âmbito da possibilidade da equipa conseguir, já esta jornada, um feito histórico no clube, em termos de pontos conquistados na condição de visitante.

A formação vila-condense soma, atualmente, 24 pontos fora do estádio dos Arcos, o mesmo pecúlio conseguido pelo plantel da época passada, numa marca inédita até então. Caso consiga, pelo menos, um empate nos quatro jogos que restam como visitante, a equipa consegue um recorde no clube.

"São registos importantes, que vamos tentar conseguir já amanhã [terça-feira], pois queremos sempre superar a história. Estamos também a procurar a melhor classificação de sempre do clube na I Liga. Mas o importante não é fazê-lo de qualquer forma, mas sim com qualidade, e jogando melhor do que o adversário", partilhou Carlos Carvalhal.

O treinador, que também já orientou o Vitória de Setúbal em duas épocas, mostrou-se, ainda assim, convicto nas dificuldades que a sua equipa vai encontrar na visita ao reduto dos sadinos.

"É um adversário difícil, e sei que jogar em Setúbal é sempre complicado. Esta época têm um bom registo em casa, só perderam três vezes. É uma equipa que está tranquila a buscar os seus objetivos. Ganhou maior propensão ofensiva com a entrada do Júlio Velázquez. Mas o Vitória também sabe que o Rio Ave será um adversário difícil de bater", vincou.

Para este desafio, o técnico dos vila-condenses sabe que não pode contar com os castigados Diogo Figueiras, Nuno Santos e Al Musrati, todos castigados, depois da expulsão no último jogo frente a Benfica, mas considerou que tal "não preocupa".

"O plantl tem qualidade, temos confiança em todos os jogadores, e é normal fazermos alternância na equipa titular. Todos têm respondido bem e há jogares que têm trabalhado muito bem para ter uma oportunidade", vincou.

Além deste trio, Carlos Carvalhal também não pode contar com o médio Jambor, que ainda recupera de lesão.

O Rio Ave, sexto classificado com 41 pontos, desloca-se esta terça-feira ao Estádio do Bonfim, para defrontar o Vitória de Setúbal, 12.º com 30, numa partida agendada para as 19:00, que terá arbitragem de Vítor Ferreira, da Associação de Futebol de Braga.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho