Braga, quarta-feira

Carlos Carvalhal diz que 'não há desculpas, nem cansaço' apesar do calendário

Desporto

31 Janeiro 2021

Redação

O treinador Carlos Carvalhal disse hoje que, apesar do calendário apertado, o Sporting Clube de Braga vai apresentar uma equipa competitiva e para vencer no terreno do Moreirense, segunda-feira, na 16.ª jornada da I Liga de futebol.

O treinador Carlos Carvalhal disse hoje que, apesar do calendário apertado, o Sporting Clube de Braga vai apresentar uma equipa competitiva e para vencer no terreno do Moreirense, segunda-feira, na 16.ª jornada da I Liga de futebol.

Os bracarenses têm vindo a jogar com curto espaço de tempo de recuperação e, entre Taça da Liga, campeonato e Taça de Portugal, vão fazer na segunda-feira o seu quinto jogo em apenas 12 dias.

Contudo, Carlos Carvalhal não quer que o calendário preenchido, que dita que continuará a jogar de três em três dias até março, seja uma "desculpa".

"Estamos focados sempre no jogo seguinte, e vamos apresentar sempre uma equipa competitiva, sempre virada para a baliza adversária, para tentar vencer os jogos. A dinâmica de vitória ajuda e não há desculpas, nem há cansaço, porque é assim que temos de encarar os jogos, ser competitivos e sempre com a ambição de trazer os três pontos”, disse.

Carlos Carvalhal assegurou que a equipa já virou "a página da Taça de Portugal", prova na qual chegou "brilhantemente às meias-finais", disse, numa alusão implícita à vitória sobre o Santa Clara (2-1), na sexta-feira, dos quartos de final da prova ‘rainha’ do futebol português.

O técnico disse esperar um jogo difícil em Moreira de Cónegos, diante uma "equipa boa, bem orientada, com bons jogadores" e que "a jogar no seu terreno é sempre um adversário difícil", mas, notou, que "o Sporting de Braga também é uma equipa difícil para todos os adversários".

"Vamos a jogo, sem desculpas, a equipa está a ‘top' e preparada para jogar pelos três pontos. Respeito máximo pelo Moreirense, sabemos que vai ser um jogo extremamente difícil, mas a nossa ambição clara é trazer os três pontos", reforçou.

Iuri Medeiros lesionou-se com gravidade no joelho esquerdo diante dos açorianos e vai perder o resto da temporada, facto que o técnico lamentou, tendo lembrando o "contributo fantástico" que o extremo vinha dando à equipa.

"As lesões são as coisas que mais lamento. No futebol, pior que uma derrota é perder um jogador [por lesão]. Depois, há o lado da qualidade do jogador. O Iuri estava a fazer talvez a sua melhor época de sempre, com um contributo fantástico, com golos e assistências, um jogador importantíssimo na nossa dinâmica, participou em todos os jogos até ao momento [28]", notou.

Carlos Carvalhal frisou a tristeza "pela gravidade da lesão" pelo "ser humano" e pelo lado profissional, porque Iuri Medeiros "é, sem dúvida, um jogador diferenciado e que acrescentava qualidade".

Sporting Clube de Braga, quarto classificado, com 30 pontos, e Moreirense, sétimo, com 18, defrontam-se a partir das 19:45 de segunda-feira, no Estádio Parque Desportivo Joaquim Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos, num jogo que será arbitrado por João Pinheiro, da associação de Braga.

Deixa o teu comentário