Casa do Professor coordena projecto internacional sobre Igualdade de Género

Regional

18 Março 2021

Marta Amaral Caldeira Marta Amaral Caldeira

A instituição bracarense está envolvida em dez projectos internacionais, coordenando três junto de equipas europeias, um dos quais o projecto T-SHIRT, que acaba de ser lançado via Erasmus+ e que vai trabalhar as questões da Igualdade de Género.

O ‘T-SHIRT’ é um dos projectos internacionais de combate à desigualdade de género que a Casa do Professor de Braga está neste momento a coordenar, juntando sete instituições educativas de cinco países europeus em prol do mesmo objectivo: a construção de uma sociedade mais igualitária a partir da escola.

Em concreto, o ‘T-SHIRT’ (Tools on Suporting the figHt for Issues of gendeR Traditionality and disparities), via ‘Erasmus+’, propõe uma abordagem pedagógica comum entre todos os parceiros do projecto para a consciencialização da igualdade de género, através da capacitação dos professores para a temática e da sensibilização dos alunos, a quem serão cedidos meteriais alusivos ao tema e propostas actividades extracurriculares.

Ao longo dos próximos meses serão disponibilizados vários produtos intelectuais inovadores aos docentes e alunos para trabalhar a questão da igualdade de género em contexto escolar e educativo, como é disso exemplo a plataforma digital intitulada ‘T-SHIRT Open Educational & Training e-Resource’. Trata-se de um ambiente de aprendizagem virtual onde serão gratuitamente disponibilizados módulos online com actividades e ferramentas, para os utilizadores (professores, alunos, decisores políticos e outras partes interessadas).

Mas não só. Recorde-se que a problemática da ‘Igualdade de Género’ tem sido um tema que também tem vindo a ser tratado pelo Centro de Formação da Casa do Professor, fundado em 1993, através do ‘Projecto Violeta’, que engloba na sua oferta formativa quatro cursos gratuitos, destinados a professores, formadores e assistentes operacionais.

Até ao momento, o Curso de Formação de Formadores/as para obtenção de Especialização em Igualdade de Género certificou 20 formandos. O projecto ‘MH+’ é outro dos projectos dinamizados pela Casa do Professor no âmbito da ‘Igualdade de Género’ que, entre 2017 e 2018, leccinou mais de 10 000 horas de formação a 280 formandos - “tendo superado as taxas de realização previstas”, refere fonte da instituição.

Além do projecto ‘T-SHIRT’ que a Casa do Professor está neste momento a liderar junto dos parceiros europeus com vista à promoção de uma efectiva ‘Igualdade de Género’, há mais dois que estão a ser coordenados também pela instituição: o ‘InSchool: Developing Skills for Life’ que desenvolve respostas educativas diferenciadoras na comunidade e o ‘LOOP’, que aproxima professores de diferentes gerações.

Deixa o teu comentário