Braga, quarta-feira

Concorrência notificada de adjudicação da concessão de transporte de passageiros na CIM Ave

Regional

10 Fevereiro 2021

Lusa

A adjudicação da concessão de serviço público de transporte rodoviário de passageiros na Comunidade Intermunicipal (CIM) do Ave ao agrupamento de empresas Transdev Norte, Auto Viação Landim, Vale do Ave e UTS, foi notificada à Autoridade da Concorrência (AdC).

O agrupamento de empresas adquire assim a universalidade de direitos e obrigações sobre um conjunto de ativos afetos à exploração da concessão de serviço público de transporte rodoviário de passageiros na região da CIM do Ave.
 

Segundo o aviso publicado no site da AdC, aqueles ativos correspondente a três redes, uma de âmbito municipal (nos municípios de Cabeceiras de Basto, Fafe, Mondim de Basto, Póvoa de Lanhoso e Vizela), uma de âmbito intermunicipal (Cabeceiras de Basto, Fafe, Guimarães, Mondim de Basto, Póvoa de Lanhoso, Vieira do Minho, Vila Nova de Famalicão e Vizela) e uma rede de âmbito inter-regional, entre a área geográfica da CIM do AVE e as áreas geográficas das comunidade intermunicipais do Cávado, do Tâmega e Sousa, do Alto Tâmega, do Douro e da Área Metropolitana do Porto.
 

O agrupamento de empresas, a quem é adjudicada aquela concessão de serviço público, tem como objeto a exploração, por meio de autocarro, de transporte rodoviário regular e flexível de passageiros na CIM do Ave, tendo para o efeito constituído a sociedade-veículo Partícula Andante - Sociedade de Transportes, participada pelas quatro entidades que integram o agrupamento e "maioritariamente detida pela Transdev", segundo o aviso.
 

A CIM do Ave é uma concessão num território formado por concelhos com diferentes características, desde os urbanos, como Guimarães, Famalicão e Vizela, aos de baixa densidade, como Mondim de Basto e Cabeceiras de Basto.

Deixa o teu comentário