Braga, quarta-feira

Covid-19: Espanha com pequeno aumento diário de mortes para 440

Internacional

23 Abril 2020

Redação

Espanha registou, nas últimas 24 horas, 440 mortes devido ao novo coronavírus, um aumento de cinco em relação a quarta-feira, havendo até agora um total de 22.157 óbitos, segundo as autoridades sanitárias do país.

Espanha registou, nas últimas 24 horas, 440 mortes devido ao novo coronavírus, um aumento de cinco em relação a quarta-feira, havendo até agora um total de 22.157 óbitos, segundo as autoridades sanitárias do país.

De acordo com o Ministério da Saúde espanhol, há 4.635 novos casos positivos, levando o total de infetados para 213.024.

Desde o início da pandemia da covid-19, provocada pelo novo coronavírus, 89.250 pessoas foram consideradas recuperadas depois de terem contraído a doença.

A região com mais casos positivos da covid-19 é a de Madrid, com 60.487 infetados e 7.684 mortos, seguida pela da Catalunha (44.892 e 4.343), a de Castela-Mancha (17.557 e 2.188), a de Castela e Leão (17.402 e 1.582) e a do País Basco (13.436 e 1.167).

O parlamento espanhol aprovou na quarta-feira o prolongamento por mais duas semanas, até 09 de maio, do estado de emergência em vigor desde 15 de março no país, com o objetivo de lutar contra o novo coronavírus.

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, indicou no debate parlamentar que o levantamento “lento e gradual” das medidas adotadas para combater o coronavírus só deverá ser iniciado a partir da segunda quinzena de maio, esperando que até lá se evitem os passos em falso.

Madrid apenas permite a saída para ir ao local de trabalho, para aqueles que o não possam fazer a partir de casa, ou para adquirir ou consumir bens considerados essenciais.

A partir de segunda-feira, as medidas, muitos rígidas, de confinamento social são suavizadas para os menores de até 14 anos, que vão poder sair de casa acompanhados por um adulto, tendo as condições desta saída que ser ainda definidas pelas autoridades sanitárias.

A nível global, segundo um balanço da AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 181 mil mortos e infetou mais de 2,6 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Face a uma diminuição de novos doentes em cuidados intensivos e de contágios, alguns países começaram entretanto a desenvolver planos de redução do confinamento e em alguns casos, como Dinamarca, Áustria, Espanha ou Alemanha, a aliviar algumas das medidas.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (46.583) e mais casos de infeção confirmados (quase 840 mil).

Seguem-se Itália (25.085 mortos, em mais de 187 mil casos), Espanha (22.157 mortos, mais de 213 mil casos), França (21.340 mortos, mais de 155.800 casos) e Reino Unido (18.100 mortos, mais de 133 mil casos).

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho