Braga, terça-feira

Covid-19: França ultrapassa 12.000 mortos

Internacional

09 Abril 2020

Redação

O número total de mortos em França devido à covid-19 é de 12.210 até hoje, dia em que o país registou pela primeira vez desde o início da pandemia uma diminuição do númeror de doentes nos cuidados intensivos.

O número total de mortos em França devido à covid-19 é de 12.210 até hoje, dia em que o país registou pela primeira vez desde o início da pandemia uma diminuição do númeror de doentes nos cuidados intensivos.

Os números foram divulgados por Jérôme Salomon, diretor-geral da Saúde, indicando que do total de mortos devido ao novo coronavírus, 8.044 aconteceram em meio hospitalar (424 nas últimas 24 horas) e 4.166 em lares.

Há atualmente 30.767 pessoas hospitalizadas e 7.066 pacientes estão internados nos cuidados intensivos. Há 86.344 casos confirmados de covid-19 no país.

Pela primeira vez, Salomon deu conta de uma diminuição do número de casos graves indicando que há menos 82 pacientes nas unidades de cuidados intensivos que na véspera.

"Podemos esperar uma estagnação na entrada de casos graves nos cuidados intensivos, mas o número ainda é alto e continua a criar muita tensão nos hospitais", lembrou.

Esta tensão, especialmente nalgumas regiões do país, vai levar a novas transferências de pacientes entre hospitais nacionais já esta sexta-feira, utilizando dois comboios de alta velocidade para fazer estas deslocações.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 1,5 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais morreram quase 89 mil.

Dos casos de infeção, mais de 312 mil são considerados curados.

O continente europeu, com mais de 787 mil infetados e mais de 62 mil mortos, é aquele onde se regista o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, contabilizando 18.279 em 143.626 casos confirmados.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho