Braga, segunda-feira

Covid-19: Itália com mais 1.648 casos e 812 mortes, ritmo dos contágios em baixa

Internacional

30 Março 2020

Lusa

A Itália registou nas últimas 24 horas 1.648 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e 812 mortes adicionais, números que traduzem uma clara redução dos contágios, segundo dados divulgados hoje pela Proteção Civil.

O aumento de casos de infeção de domingo para hoje, 1.648, representa menos de metade do aumento dos dias anteriores, tendo passado de 8,3% de novos casos em média nos últimos quatro dias para 4% nas últimas 24 horas, segundo as autoridades.
 

O número de novos casos é por outro lado quatro vezes mais baixo que há 15 dias.
 

Desde que foi detetado o primeiro caso em Itália, a 20 de fevereiro, 101.739 pessoa foram infetadas pelo vírus que provoca a covid-19.
 

Desse total, 11.591 morreram, 14.620 já recuperaram da doença e 75.528 permanecem infetadas.
 

A maioria dos infetados, 58%, recupera isolada em casa, apresentando sintomas ligeiros ou mesmo ausência de sintomas, e cerca de 4.000 estão internadas em unidades de cuidados intensivos.
 

Outro sinal positivo, apontam, é o aumento do número de pessoas consideradas curadas em todo o país, 1.590 de domingo para hoje, número que nunca foi tão alto num só balanço diário.
 

“Podemos esperar atingir o pico em sete ou 10 dias e, depois, razoavelmente, uma descida do contágio”, estimou o vice-ministro da Saúde, Pierpaolo Sileri.
 

As autoridades destacam também que, pela primeira vez desde o início da pandemia em Itália, o número de novos casos na Lombardia (norte), a região mais atingida do país, baixou de 25.392 no domingo para 25.006 hoje.
 

“Na Lombardia observamos uma diminuição do número de casos, mas sobretudo pressão nas urgências e na atividade das ambulâncias. Nestes últimos quatro dias mudou muita coisa. É o sinal de que o enorme esforço que estamos afazer estáa funcionar”, disse por seu lado Giulio Gallera, o ministro da Saúde da região lombarda.
 

O continente europeu, com mais de 396 mil infetados e perto de 25 mil mortos, é aquele onde se regista atualmente o maior número de casos de infeção pelo novo coronavírus, com Itália, Espanha e França como países mais afetados.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho