Braga, sábado

Covid-19: México ultrapassa os 60 mil mortos e 550 mil casos

Internacional

23 Agosto 2020

Lusa

O México ultrapassou no sábado as 60 mil mortes provocadas pelo novo coronavírus e os 550 mil casos desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço das autoridades mexicanas.

Só nas últimas 24 horas, o país registou 644 mortes causadas pela doença e 6.482 infeções, elevando o total desde que o primeiro o caso foi diagnosticada, em finais de fevereiro, para 60.254 óbitos e 556.216 casos.
 

As 60.000 mortes representavam "o cenário catastrófico" antecipado em junho pelo responsável mexicano pelas políticas contra a pandemia, o subsecretário da Prevenção e Promoção da Saúde, Hugo López-Gatell.
 

As autoridades sanitárias informaram ainda que há 83.146 casos suspeitos à espera do resultados de testes laboratoriais.
 

A capital mexicana e os estados do México, Guanajuato, Tabasco e Veracruz têm o maior número de casos confirmados desde o início da epidemia, representando, em conjunto, cerca de 40 % do total do país.
 

O México é o terceiro país do mundo com mais mortes provocadas pelo novo coronavírus, depois dos Estados Unidos e Brasil, e o sétimo com mais casos confirmados, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.
 

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 800 mil mortos e infetou mais de 23 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência de notícias FRance-Presse (AFP).
 

Em Portugal, morreram 1.794 pessoas das 55.452 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.
 

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.
 

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho