Braga,

Covid-19: Portugal com 849 novos casos de infeção e mais cinco mortes

Nacional

19 Setembro 2020

Lusa

Portugal contabiliza hoje mais 849 novos casos de infeção e mais cinco mortes pelo novo coronavírus, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 1.899 mortes, cinco das quais registadas hoje.
 

Quatro destas mortes foram registadas na região Norte e uma em Lisboa e Vale do Tejo.
 

Do total de mortes, 1266 têm mais de 80 anos,
 

Até agora, 68.025 pessoas já foram infetadas pela covid-19, mais 849 do que em relação a sexta-feira, número semelhante ao alcançado no início de abril, um mês depois de a pandemia ter entrado no país.
 

Dos 849 novos casos, 439 ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo, 288 no Norte, 66 no Centro, 35 no Algarve e 16 no Alentejo.
 

Segundo o boletim, hoje registam-se mais 32 doentes internados e mais sete em cuidados intensivos.
 

Sob vigilância, estão 39.388 pessoas, mais 667 por comparação a sexta-feira.
 

Ao todo, 68.025 pessoas já foram infetadas em Portugal e, destas, 20.722 encontram-se ativas e 45.404 recuperaram.
 

Dos infetados, 37.290 são mulheres e 30.725 são homens e encontram-se sobretudo entre os 20 e os 60 anos.
 

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 953.025 mortos e mais de 30,5 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.
 

Em Portugal, morreram 1.899 pessoas dos 68.025 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.
 

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.
 

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho