Braga, quarta-feira

Covid-19: Vitória sorteia 40 sócios para verem jogos na tribuna presidencial

Desporto

16 Setembro 2020

Lusa

O Vitória de Guimarães vai sortear 40 sócios para assistirem aos jogos da I Liga portuguesa de futebol na tribuna presidencial do Estádio D. Afonso Henriques, a partir da terceira jornada, anunciaram hoje os minhotos no sítio oficial.

"Tendo em conta a ocupação permitida na tribuna presidencial do Estádio D. Afonso Henriques e conforme decorre do comunicado oficial n.º 12 da Liga Portugal, que autoriza a lotação máxima de 50% naqueles espaços, o Vitória informa que decidiu convidar 40 associados para aceder à tribuna, nos encontros a disputar na condição de visitado e enquanto vigorarem as normas impostas pela organização da competição e pelas autoridades de saúde", lê-se no comunicado.
 

Os vimaranenses referem, na mesma nota, que a partir da terceira jornada, quando se der a receção ao Paços de Ferreira, às 21:15 de 02 de outubro, os sócios convidados vão ser "definidos por sorteio".
 

Esse sorteio abrange os sócios maiores de 16 anos, que têm a quota mensal atualizada e que abdicaram do reembolso do valor do lugar anual "relativo às últimas jornadas da época transata", quando os jogos se disputaram à porta fechada, devido à pandemia de covid-19.
 

O Vitória de Guimarães informa ainda que os sócios convidados para cada encontro "não poderão ser selecionados para as jornadas seguintes", adiantando que, por "respeito ao direito à proteção dos dados pessoais" de cada sócio, só vai divulgar no sítio oficial os números dos associados sorteados.
 

O clube minhoto revela ainda que tentou concretizar a medida na primeira jornada do campeonato, em que recebe o Belenenses SAD, às 21:15 de sexta-feira, mas a Autoridade Regional de Saúde do Norte rejeitou a iniciativa "face ao atual cenário epidemiológico na cidade de Guimarães".
 

"O Vitória respeita os motivos invocados pela ARS Norte relativamente ao jogo de sexta-feira, aplicando excecionalmente uma lotação inferior à permitida e compreendendo a responsabilidade coletiva que o momento exige na proteção dos associados", lê-se no comunicado.
 

A presidente da Direção-Geral da Saúde (DGS), Graça Freitas, adiantou, na segunda-feira, que Guimarães é um dos concelhos com "maior incidência" de novos casos de covid-19 por 100 mil habitantes, juntando-se ao concelho de Vila Nova de Gaia e à região de Lisboa e Vale do Tejo como uma das "zonas mais críticas" do país.
 

Em Portugal, morreram 1.878 pessoas dos 65.626 casos de infeção pelo novo coronavírus já confirmados, de acordo com o boletim mais recente da DGS.
 

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 936.095 mortos e mais de 29,6 milhões de casos de infeção em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho