Braga, sexta-feira

Dia da Cidade celebra-se com com sessão solene na Casa das Artes

Regional

18 Junho 2021

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Câmara aprovou ontem, por unanimidade, a lista das 52 personalidades, instituições e empresas que vão ser galardoadas no Dia da Cidade.

A 9 de Julho, Famalicão celebra o 36.ª aniversário da elevação a cidade. A sessão solene comemorativa vai realizar-se na Casa das Artes e contempla a atribuição de galardões municipais a cidadãos, instituições e empresas. A lista dos galardoados foi aprovada ontem, por unanimidade, em reunião de Câmara.

São mais de meia centena de homenageados com medalhas de mérito municipal, destacando-se três personalidades a quem o Município famalicense vai distinguir com a mais alta condecoração: a Medalha de Honra do Município. São eles o diplomata Carlos Manuel Folhadela de Macedo Oliveira, o eurodeputado e presidente da Assembleia Municipal Nuno Melo e, a título póstumo José de Azevedo e Menezes Cardoso Barreto.

Na habitual conferência de imprensa após a reunião do executivo municipal, Paulo Cunha explicou que este é o mais alto galardão do Município, uma homenagem para quem tem provas dadas. “Vamos homenagear personalidades a quem os famalicenses reconhecem mérito pelo sue percurso”, referiu o edil, explicando que as homenagens “não devem ser feitas apenas a título póstumo, mas também enquanto as pessoas estão no activo”.

“Achamos que este é o contexto temporal certo para que estas personalidades sejam homenageadas”, disse ainda Paulo Cunha.

O autarca também garantiu que, no contexto pandémico actual, a Casa das Artes “está normalizada no que diz respeito à realização de eventos” como a sessão solene do Dia da Cidade que vai realizar-se no dia 9 de Julho, dia em que se celebra a elevação de Vila Nova de Famalicão a Cidade decretada pela Assembleia da República.

Na cerimónia, vão receber a medalha de Mérito Municipal de Benemerência duas instituições e dois cidadãos: Centro Social e Cultural de Riba de Ave, Centro Social e Paroquial de São Tiago de Antas, Augusto Fernando Oliveira Duarte e Celso Sousa Branco.

A lista mais extensa refere-se às medalhas de Mérito Cultural. Vão ser entregues 22. Vão ainda ser entregues dez medalhas de Mérito Económico, sete de Mérito Desportivo e seis de Mérito Autárquico.

Deixa o teu comentário