Braga, segunda-feira

EDP rejeita responsabilidades na queda de poste que matou homem em Barcelos

Regional

26 Dezembro 2019

Lusa

A EDP recusou hoje responsabilidades na queda de um poste em Ucha, Barcelos, que matou um homem de 60 anos, considerando que as causas do acidente são externas à empresa.

Fonte da EDP disse à Lusa que o poste terá ficado “sem base de sustentação” devido a trabalhos que decorreriam num terreno e aos quais a empresa é “completamente alheia”.
 

O terreno cedeu e o poste caiu, atingindo a vítima, que estaria ali a trabalhar.
 

Um homem de 60 anos morreu hoje em Ucha, Barcelos, depois de ter sido atingido por um poste que caiu na via pública, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Braga.
 

Segundo a fonte, a vítima foi recolhida ainda com vida mas acabaria por morrer a caminho do hospital.
 

O alerta para a ocorrência foi registado pelas 10:44.
 

No local, estiveram os Bombeiros Voluntários de Barcelos e uma viatura médica de emergência e reanimação (VMER)
 

A GNR tomou conta da ocorrência.

Deixa o teu comentário