Braga, terça-feira

Grupos mantêm a tradição e brindam todos os bracarenses com Reisadas

Regional

04 Janeiro 2020

Redação

Em Braga as tradições são mantidas por muitos grupos que fazem questão de as preservar. As Reisadas são disso exemplo e muitos têm a oportunidade, mais uma vez, de subir ao palco do Altice Forum Braga, para desejar a todos um feliz ano novo.

Braga mantém a tradição de ‘Cantar os Reis’ com uma nova gala que sobe ao palco do Altice Forum Braga na tarde do próximo dia 12 e que dá protagonismo à ‘prata da casa’ com os grupos e associações bracarenses a brindar todos com os seus cânticos e músicas tradicionais. O espectáculo maior é só no próximo fim-de-semana, mas hoje e amanhã são vários os grupos que vão cantar os Reis em várias instituições.

“Acima de tudo trata-se de mantermos vivas as nossas tradições e essa é a nossa principal preocupação”, afirmou Lídia Brás Dias, vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Braga, assinalando que as tradicionais reisadas são “um momento especial para todos darmos as boas-vindas ao novo ano”.

Este ano são 17 os grupos bracarenses que vão subir a palco e o Município de Braga pretende dar voz a todos os que fazem questão de actuar.

Desta vez o palco será partilhado pelo Grupo de Reis da Juventude Adventista de Braga, Orfeão de Braga, Associação de Música Sacra de Braga, Rusga de Merelim S. Paio, Orfeão de Merelim, Grupo Coral da Congregação do Espírito Santo do Seminário de Fraião, Grupo do Centro de Desporto, Cultura e Recreio do Pessoal dos CTT, Associação Cultural e Festiva ‘Os Sinos da Sé’; Coro Real do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, Rancho Folclórico S. João Baptista de Nogueira, Rancho Folclórico Santa Cecília de Vilaça, Coro ACIJE, Grupo Folclórico Santa Maria de Aveleda, Grupo Folclórico de Macada Vimieiro; Grupo de Cavaquinhos e Cantares do Centro Histórico de Braga, Grupo Folclórico Santo André de Gondizalves e Grupo Folclórico S. Miguel de Gualtar.

“Este espectáculo de Reis é sempre muito participado e o que nós queremos realmente é que todos os grupos, colectividades e associações tenham esta possibilidade também de se apresentar a público e que todos se sintam felizes por isso”, disse a vereadora, destacando a importância do papel que desempenham em manter vivas as tradições locais.

“O trabalho que estes grupos fazem é muito importante porque preservam as tradições locais, fazendo-as chegar às novas gerações, e nós, enquanto comunidade, não podemos estar dissociados daquela que é a nossa identidade e, de facto, os nossos grupos culturais e sobretudo os nossos grupos folclóricos têm sabido perpetuar as tradições que fazem parte da nossa história”, frisou Lídia Brás Dias, indicando que o Município de Braga apoia os grupos sobretudo nas suas deslocações e trajes.

A vereadora da Cultura destacou também as várias iniciativas que estes grupos têm levado a cabo não só com as reisadas e com o folclore, mas também com outras actividades como a recriação de desfolhadas, por exemplo, que mostram os usos e costumes de outros tempos e que têm um significado especial também para a comunidade.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho