Braga, quarta-feira

Ivo Vieira só pensa nos três pontos no regresso a Guimarães

Desporto

11 Maio 2021

Lusa

O treinador do Famalicão, Ivo Vieira, desvalorizou hoje o seu regresso a Guimãraes e afirmou que o importante é "ganhar pontos" na partida da 32.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Ivo Vieira, que treinou a equipa vimaranense na época passada, encara o regresso a Guimarães com naturalidade.
 

"Será apenas mais um jogo. Temos que o encarar de uma forma natural, independentemente desse facto, que é uma realidade. Mas temos que preparar o jogo no intuito de somarmos os três pontos. Estamos numa luta e queremos ganhar o mais rápido possível para conseguirmos o nosso objetivo e é com esse intuito que vamos, respeitando sempre o adversário", disse na conferência de imprensa de antevisão da partida.
 

O treinador revelou ainda que a estratégia para o jogo está montada e que passa essencialmente por ser "mais forte do que o Vitória de Guimarães".
 

"Temos que ser competentes como nos outros jogos. Vamos tentar ser concentrados, lutar pelos pontos, ser mais fortes do que o Vitória. só assim é que podemos alimentar essa esperança de conseguirmos ganhar os pontos. A estratégia não a vou lançar, pois é algo que vamos apresentar no jogo", frisou ainda.
 

Ivo Vieira explicou ainda a quebra exibicional que o Famalicão tem apresentado nos últimos jogos, mas que isso é transversal "nos outros adversários" que se encontram na mesma situação de lugar pela manutenção.
 

"Tem a ver com o momento em que a equipa está, porque a responsabilidade de fazer pontos pode tirar a confiança e a destreza dos jogadores. Mas isso não é só no Famalicão, também se vê nos outros adversários na mesma situação. Porém, mesmo vendo a equipa a fazer bem, defenderei sempre que é possível fazer mais e melhor. A cada jogo podemos sempre fazer mais", salientou ainda.
 

O Famalicão, que ocupa a 13.ª posição, com 34 pontos, joga esta quarta-feira, às 20:15, em casa do Vitória de Guimarães, no sexto lugar, com 42, numa partida da 32.ª jornada, com arbitragem de Manuel Mota, da associação de Braga.

Deixa o teu comentário