Braga, quinta-feira

João Pedro Sousa diz que Famalicão 'ainda está à procura do seu jogo'

Desporto

16 Dezembro 2020

Redação

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, admitiu hoje, na antevisão do encontro com o Portimonense, para a 10.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, que "ainda está à procura do seu jogo".

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, admitiu hoje, na antevisão do encontro com o Portimonense, para a 10.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, que "ainda está à procura do seu jogo".

O técnico revelou também que o Portimonense é uma equipa com "características individuais e coletivas" com as quais o Famalicão "não se sente bem".

"Não escondemos que ainda estamos à procura do nosso jogo e quando digo estamos, digo equipa técnica. Estamos a tentar perceber onde e como os jogadores se sentem mais confortáveis para evoluirmos individualmente e coletivamente. Já é um pouco tarde, assumo essa responsabilidade, mas esta é a nossa realidade", referiu em conferência de imprensa de antevisão da partida com os algarvios, agendada para sexta-feira.

Sobre o adversário, o treinador admitiu estar à espera de dificuldades, tendo em conta um passado recente. 

" Neste momento, qualquer equipa é muito difícil para o Famalicão, não só para a competitividade do campeonato, mas também pelo momento, em que estamos à procura de nós próprios. O Portimonense foi a única equipa no ano passado que nos ganhou os dois jogos, tem características individuais e coletivas com as quais não nos sentimos bem. A esperança é que, como somos uma equipa diferente do ano anterior, isso possa contornar alguns obstáculos", desejou.

João Pedro Sousa lamentou a ausência de Gustavo Assunção, devido a castigo, mas revelou que existem jogadores capazes de o substituir sem qualquer problema.

"O Gustavo funciona como pivot no nosso processo ofensivo e de equilíbrios, no defensivo, é muito evoluído taticamente. É uma baixa importante, mas temos outros jogadores que podem desempenhar o plano de jogo, a posição. Jogadores como o Lukovic, o próprio João Neto, o Guga e temos vários jogadores que podem substituir o Gustavo com competência", disse.

O treinador comentou a chegada de Mário Branco ao cargo de diretor desportivo do clube. 

"O Mário Branco, pessoa com quem já trabalhei, vem aportar competência e experiência ao Famalicão. Vem num contexto de exigência e reconhecendo a visão do presidente e da administração numa constante adição de qualidade. É a pessoa ideal para nos ajudar a crescer e para sermos mais fortes", finalizou.

O Famalicão, no 11.º lugar, com 10 pontos, desloca-se esta sexta-feira, às 20:30, ao Algarve para defrontar o Portimonense, penúltimo classificado, com 7 pontos, em jogo da 10.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.  

Deixa o teu comentário