Braga, sexta-feira

Jogos de luz e cenários multimédia invadem Vila Nova de Cerveira

Regional

09 Julho 2021

 Filipa Ribeiro Filipa Ribeiro

Noites de Vila Nova de Cerveira, entre os dias 9 e 11 de Julho, serão recheadas com 10 espetáculos de luz e cor, pelas 22 horas, que permitem dar a conhecer os diversos espaços do concelho.

Entre hoje e domingo, Vila Nova de Cerveira lança o desafio de partir à descoberta dos dez espaços públicos identificados com dez espectáculos de luz e cor, da autoria de dez artistas e arquitectos nacionais e internacionais de renome.

Por isso, não se assuste se reparar num ‘Giant Allien’ na cúpula da Piscina Municipal.

O ‘UMBRA – Festival Internacional de Artes e Multimédia’ é um evento que acontece durante três noites, a partir das 22 horas, recheadas de jogos de luz.

Durante este fim-de-semana, percorrer as ruas do centro histórico de Vila Nova de Cerveira apresenta-se como um momento único para absorver e celebrar a relação da luz com a natureza, tendo o património histórico como denominador comum.

O festival consolida a Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira como um concelho atento e actuante no panorama artístico nacional e internacional, através da experimentação e da actividade expositiva como meio de reflexão sobre a arte e a cultura visual contemporânea.

Os 10 artistas foram seleccionados por um júri especializado, após lançado concurso público, em Março, pelo município do concelho para a apresentação de propostas de instalações luminosas que convidassem o visitante a experimentar desafios ambientais e culturais diferenciadores.

Este evento manterá o centro histórico de Vila de Cerveira aberto e iluminado nas noites de 9, 10 e 11 de Julho, sendo uma oportunidade única de, através de intervenções artísticas, conhecer os espaços: Igreja Matriz de São Cipriano, Castelo, Edifício da Piscina Municipal, Jardim da Piscina Municipal, Edifício Solar dos Castros, Edifício da ETAP - Escola Tecnológica, Artística e Profissional de Vila Nova de Cerveira, Largo de São Sebastião, Praceta Jaime Isidoro, Largo 15 de Fevereiro e a Ponte da Amizade.

O lema do evento é o de deixar-se contagiar pela vida que o ‘UMBRA - Festival Internacional de Artes e Multimédia’ vai despertar à noite.

Deixa o teu comentário