Braga, segunda-feira

Miguel Ribeiro acredita num bom resultado do Famalicão frente ao Sporting

Desporto

04 Dezembro 2020

Lusa

O presidente da SAD do Famalicão, Miguel Ribeiro, disse hoje acreditar num bom resultado no jogo com o Sporting, da nona jornada da I Liga portuguesa de futebol, apesar do arranque irregular dos minhotos na prova.

"Temos a convicção de que vamos fazer um bom jogo, porque estamos apetrechados de valores suficientes para fazer um bom jogo e o nosso crédito é total em quem amanhã [sábado] vai interpretar o encontro", começou por dizer o dirigente, à margem da apresentação de uma parceria com a empresa MTEX NS, celebrada no âmbito da prevenção à propagação da covid-19.
 

O presidente do Famalicão rejeita, no entanto, fazer comparações com temporada de 2019/20 e pede tempo para as coisas regularizarem, tendo em atenção o ano "atípico" que se vive.
 

"A nossa visão e filosofia têm um preço a pagar, que é o preço da reconstrução. Da última jornada [da época passada] na Madeira temos três ou quatro jogadores a jogar, há um processo natural de reconstrução numa realidade infeliz, mas comum a todos, que é a realidade covid, que nos tira jogadores permanentemente, como sabem antes do jogo com o Paços de Ferreira ficámos sem jogadores, duas semanas antes tinha acontecido a mesma coisa e naturalmente estes processos de reconstrução precisam de tempo", salientou ainda o dirigente que não acredita "que este seja o preço a pagar pela expectativa criada na época passada".
 

"Neste campo entra a filosofia e a visão, não entra a expectativa. Apesar de estarmos em dezembro, ainda só passaram oito jornadas, vamos entrar na segunda volta da Liga depois do mercado de janeiro e a paciência na construção e no processo tem de ser maior, porque a viver o que estamos a viver é totalmente errado colocar a questão pandemia fora da equação. Qualquer empresa está verdadeiramente abalada com o que estamos a viver", explicou ainda.
 

O dirigente comentou ainda o trabalho desenvolvido por Pedro Gonçalves no Sporting. Miguel Ribeiro vê com agrado o arranque de época do jogador, melhor marcador do campeonato com nove golos em sete jogos, jogador que o Sporting comprou no defeso ao Famalicão.
 

"O Pedro Gonçalves é uma das bandeiras do que é o Famalicão e do que pretendemos para o Famalicão. É um jogador jovem, com muita qualidade e que precisou de um espaço para do ponto de vista competitivo afirmar-se. O espaço foi dado pelo Famalicão e ele afirmou-se. Mérito para o clube, porque foi dado espaço ao Pedro Gonçalves e muito mérito do Pedro, porque encontrou espaço para produzir e reproduzir talento. E também muito mérito para a equipa técnica que soube potenciar um talento. Às vezes, podemos brincar e dizer que entrou o Pote e saiu o Pedro Gonçalves. Para nós, é um orgulho recebê-lo e a marca Pedro Gonçalves estará sempre associada ao Famalicão", concluiu.
 

O Famalicão, no 10.º lugar, com 9 pontos, recebe, no sábado, às 18:00 horas, o líder do campeonato, o Sporting, com 22 pontos, numa partida da nona jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Deixa o teu comentário