Murilo deixa Sporting de Braga e assina pelo Gil Vicente até 2023/24

Desporto

10 Julho 2021

Lusa

O extremo Murilo reforçou o Gil Vicente a título definitivo, com um contrato válido até ao final da época 2023/24, deixando o Sporting de Braga, informou hoje o emblema barcelense, da I Liga portuguesa de futebol.

Sempre por empréstimo dos ‘arsenalistas', o brasileiro de 26 anos cumpriu a última temporada e meia nos espanhóis do Sporting de Gijon (2019/20) e do Maiorca (2020/21), emblema recém-promovido à I Liga daquele país, e, na hora do regresso a Portugal, mostrou-se grato pelo "esforço" gilista para o acolher no plantel treinado por Ricardo Soares.
 

"Queria agradecer a oportunidade a um clube tão tradicional do futebol português, como é o Gil Vicente. Já conheço esta casa, porque já joguei contra [o clube]. Estive em Espanha e estou a regressar à minha casa na Europa, que é Portugal. Agradeço o esforço do clube e do presidente em me proporem o regresso ao futebol português", disse, num vídeo publicado pelos minhotos na rede social Facebook.
 

O atacante prometeu ainda "dar o máximo" e "ser agressivo dentro de campo" para ajudar o Gil Vicente, um clube que considera em "crescimento", a "conquistar os objetivos da época".
 

Depois de uma carreira com passagens por vários emblemas brasileiros entre 2012 e 2017, como o Internacional de Porto Alegre e o Botafogo, Murilo chegou a Portugal na época 2017/18 e ajudou o Nacional a subir à I Liga portuguesa, com 14 golos em 41 jogos, antes de reforçar o Sporting de Braga no verão seguinte.
 

No clube ‘arsenalista', o extremo marcou três golos em 19 jogos durante a época 2018/19 e ficou em ‘branco' nos 14 embates que disputou na primeira metade da temporada seguinte.
 

O Sporting de Braga também confirmou a transferência a título definitivo no seu sítio oficial, tendo mantido 50% dos direitos económicos do jogador.
 

De volta a Portugal, o jogador frisou ainda que se nota o "crescimento do futebol português", com os clubes "cada vez mais organizados".
 

Murilo é o 10.º reforço do emblema de Barcelos para a época 2021/22, depois do guarda-redes Kritciuk, dos defesas Zé Carlos, Hackman e Lucas Cunha, dos médios Matheus Bueno e Giorgi Aburjania, do extremo Bilel e dos avançados Élder Santana e Fran Navarro.

Deixa o teu comentário