Braga, sexta-feira

OMS continua a recomendar uso da vacina da AstraZeneca

Internacional

17 Março 2021

Lusa

A Organização Mundial de Saúde (OMS) continua a recomendar, por agora, a administração da vacina da AstraZeneca contra a covid-19, cuja utilização foi suspensa por vários países devido a possíveis efeitos colaterais.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) continua a recomendar, por agora, a administração da vacina da AstraZeneca contra a covid-19, cuja utilização foi suspensa por vários países devido a possíveis efeitos colaterais.

"Neste momento, a OMS estima que o balanço risco/benefício está a inclinar-se a favor da vacina AstraZeneca e recomenda que as vacinas continuem" a ser administradas, refere um comunicado da agência da Organização das Nações Unidas (ONU), citado pela agência francesa France Presse.

A OMS sublinha ainda que os seus especialistas, cuja opinião é esperada, continuam a "avaliar" os dados sobre os problemas de saúde enfrentados por algumas pessoas vacinadas com esta vacina.

Alguns países da União Europeia, incluindo Portugal, suspenderam temporariamente a utilização da vacina da AstraZeneca como medida de precaução baseada em relatos de doenças raras de coagulação sanguínea em pessoas que receberam a vacina.

Outros países da UE - tendo considerado a mesma informação - decidiram continuar a utilizar a vacina nos seus programas de vacinação adianta a OMS em comunicado.

O Comité Consultivo Global para a Segurança das Vacinas da OMS está a avaliar os últimos dados de segurança disponíveis para a vacina AstraZeneca, sendo que uma vez concluída esta revisão, a OMS comunicará imediatamente as conclusões ao público, acrescenta.

Deixa o teu comentário