Braga,

PJ alerta para campanha de roubo de dados em seu nome

Nacional

10 Setembro 2020

Lusa

A Polícia Judiciária (PJ) alertou hoje para a existência de uma campanha de roubo de dados ('phishing') através de e-mails enviados em massa em nome da PJ.

A PJ, através da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica (UNC3T), informou que detetou a existência da campanha de 'phishing' depois de ter recebido e-mails de pessoas que foram alvo dos e-mails fraudulentos.
 

Segundo a UNC3T da PJ, os e-mails usados para o roubo de dados referem-se a uma alegada necessidade de comparência do destinatário na Polícia Judiciária.
 

"Alertam-se os destinatários, para o facto de os mails suspeitos apresentarem falsamente o domínio da Polícia Judiciária (xxxxxx@policiajudiciaria.pt), o qual não corresponde ao legítimo domínio de correio eletrónico desta Polícia", acrescenta o comunicado da UNC3T.
 

A PJ sublinha que "não deverão os destinatários, em momento algum, abrir ou seguir os 'links' (ligações) constantes dos referidos e-mails suspeitos".
 

A Polícia Judiciária adianta que está a investigar a origem dos e-mails fraudulentos.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho