Braga, segunda-feira

Póvoa de Lanhoso: Terra de ouro

Regional

26 Agosto 2020

Redação

Póvoa de Lanhoso tem uma história rica e um património material e imaterial que merece ser conhecido. Terra da Filigrana e da Maria da Fonte, tem o carvalho mais antigo da Península Ibérica e um castelo deslumbrante.

Apresenta-se como terra de gente que sabe receber, trabalhadora, solidária e que honra o legado dos antepassados, procurando construir um futuro com raízes. Póvoa de Lanhoso é mais uma preciosidade do Minho que merece ser descoberta.


O Castelo de Lanhoso é um dos principais ex-líbris do concelho. Surge imponente e com um singularidade de realçar pela forma como se implanta sobre um monólito granítico, considerado o maior da Península Ibérica.
 

Marco histórico na conquista e formação do reino de Portugal, ao contemplar-se o Castelo de Lanhoso o imaginário leva-nos até batalhas históricas que nos remetem aos tempos da fundação de Portugal.
 

O Castelo de Lanhoso pode considerar-se a porta de entrada para quem quer conhecer a Póvoa de Lanhoso, mas muito ainda para ver, experimentar e saborear nesta terra que também é famosa pela Maria da Fonte.


A revolta da Maria da Fonte é um dos episódios mais marcantes da história política portuguesa do século XIX, porque representa um movimento liderado por mulheres e, neste caso, mulheres do Norte. Eclodiu em Março de 1846, quando um grupo de mulheres decidiu pôr em causa a nova lei que proibia enterrar os mortos no interior das igrejas, como até aí era tradição.
 

Póvoa de Lanhoso é também famosa pela Filigrana. Recomenda-se a visita à Sala de Interpretação da Filigrana e aos demais espaços museológicos e de produção da Filigrana existentes no concelho.


O Centro de Interpretação do Carvalho de Calvo é outro ponto de interesse. O Carvalho de Calvos, um carvalho alvarinho (Quercus robur) com características ímpares e únicas, é uma árvore classificada de interesse público desde Agosto de 1997. É o carvalho mais antigo da Península Ibérica e o segundo mais antigo da Europa.
 

No concelho não faltam também igrejas e santuários dignos de referência, como a Igreja Românica de Fontarcada, o Santuário de Nossa Senhora de Porto D’Ave e o Santuário de Nossa Senhora do Pilar, que merecem ser desfrutados com tempo.


A óptima oferta de turismo rural e de turismo de natureza, que se complementa com a vertente de turismo aventura da Diverlanhoso, são também motivos para uma visita à Póvoa de Lanhoso. Aproveitando os dias quentes, recomenda-se uma ida à Praia Fluvial de Verim, com qualidade excelente de água, e ao Parque de Lazer do Pontão.
 

Na gastronomia destacam-se as opções de carne, como o cabrito à S. José e os bifes à Romaria, mas também o bacalhau tem muita fama. Nos vinhos, sobressaem obviamente os vinhos verdes produzidos por diferentes marcas instaladas no concelho.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho