Braga, segunda-feira

Presidente do Sporting de Braga considera arbitragem decisiva na final da Taça da Liga

Desporto

24 Janeiro 2021

Lusa

O presidente do Sporting de Braga lamentou este sábado uma decisão da equipa de arbitragem na final da Taça da Liga de futebol que, defendeu, influenciou a vitória (1-0) e a conquista do troféu pelo Sporting, em Leiria.

“Sabíamos que o jogo se iria decidir nos detalhes. Pena é que o jogo fosse decidido num detalhe, não pelos 11 jogadores que estiveram de cada lado, mas por uma decisão de uma outra equipa que estava em campo”, disse António Salvador, referindo-se ao lance do golo do espanhol Pedro Porro, aos 41 minutos.

O líder dos bracarenses surgiu na sala de imprensa na vez do treinador Carlos Carvalhal, expulso durante o encontro [em simultâneo com Rúben Amorim, do Sporting], e considerou que a falta que permitiu o lance do golo de Pedro Porro “não existiu”.

“O Musrati fez um passe e a haver falta seria ao contrário”, criticou Salvador, atacando ainda a equipa de arbitragem liderada por Tiago Martins pela expulsão dos treinadores Carlos Carvalhal, do Sporting de Braga, e Rúben Amorim, do Sporting.

“É de mau tom não haver bom senso. Como é possível, numa final, a equipa de arbitragem, sem sequer advertir os dois treinadores, ir ao banco e expulsá-los. Nunca vi isto. Não consigo perceber. Acho que é inacreditável”, disse.

O presidente do Sporting de Braga lançou ainda 'farpas' ao Sporting.

“É com grande satisfação que vejo o Sporting vibrar tanto, tanto, tanto com as vitórias sobre o Sporting Clube de Braga. Sinal de que às vezes eles sentem-se pequenos ao lado do nosso clube”, afirmou o líder dos ‘arsenalistas’.

António Salvador falou ainda de uma altercação registada na tribuna presidencial do Estádio de Leiria, envolvendo o presidente do Sporting, Frederico Varadas.

“Na vida, todos temos de saber perder e ganhar. E também é nestes momentos que temos de saber ganhar”, explicou.

O Sporting conquistou hoje pela terceira vez a Taça da Liga em futebol, repetindo 2017/18 e 2018/19, ao bater na final o Sporting de Braga por 1-0, em Leiria, graças a um golo do lateral direito espanhol Pedro Porro.

Deixa o teu comentário