Braga, segunda-feira

Sanus Carandá lidera índice de desempenho no mês de Novembro

Regional

31 Dezembro 2020

Redação

A Unidade de Saúde Familiar (USF) Sanus Carandá registou a melhor classificação operacional no mês de Novembro, na avaliação feita pela Administração Central do Sistema de Saúde.

A Unidade de Saúde Familiar (USF) Sanus Carandá registou a melhor classificação operacional no mês de Novembro, na avaliação feita pela Administração Central do Sistema de Saúde. No mês de Outubro, a USF bracarense foi classificada em segundo lugar no sistema de avaliação que calcula o índice de desempenho global (IDG) das USF em todo o país.


Olga Silva, coordenadora da USF Sanus Carandá, comentou sem surpresas o último IDG mensal, atendendo a que esta unidade se tem mantido vários meses em posições cimeiras no que diz respeito ao desempenho operacional.
 

 “Já o ano passado estivemos vários meses nesta posição”, adiantou Olga Silva ao Correio do Minho, confessando-se, mesmo assim “feliz” com o primeiro lugar registado em Novembro.
 

Para o cálculo do IDG são carreados mais de 100 indicadores de desempenho das USF, nomeadamente ao nível do acesso dos utentes, tempos máximo de resposta, gestão da saúde e da doença, qualidade dos serviços assistenciais e não assistenciais, qualidade organizacional ou formação.


Criada há sete anos, a USF Sanus Carandá funciona há três de acordo com o chamado Modelo B, isto é, com maior grau de autonomia e, segundo a sua coordenadora, “com mais exigência.


Esta USF serve uma população de quase 15 mil pessoas do centro da cidade de Braga, dispondo de um quadro de oito médicos, oito enfermeiros e seis secretários clínicos.
 

Olga Silva adiantou que a USF não tem capacidade para aumentar o número de utentes, limitando-se, nesta altura, a novas inscrições para “completar agrega- dos familiares”.


Domingos Sousa, director do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Braga, relevou que grande parte das unidades de saúde do concelho obtêm bons índices de desempenho, o que leva a uma boa avaliação do próprio ACES em termos nacionais.

Deixa o teu comentário