Braga, terça-feira

Temos profissionais de saúde que estão na vanguarda do conhecimento

Desporto

23 Março 2020

Redação

João Pedro Araújo pede aos portugueses o máximo de responsabilidade no cumprimento das medidas dadas pela DGS para evitar o contágio da Covid-19. Médico bracarense responsável clínico do Sporting e consultor da FIFA deixa palavra de esperança.

Respeitar com o “máximo esforço” as indicações da Direcção Geral de Saúde (DGS) neste período da pandemia Covid-19 esta é a mensagem deixada pelo médico bracarense João Pedro Araújo, responsável do departamento clínico do Sporting e consultor no Centro Médico de Excelência da FIFA, que tem esta- do nas reuniões da Comissão Permanente com a AMEF.

Como médico e cidadão João Pedro Araújo vive com preocupação estes dias, mas confia na medicina para resolver o problema da pandemia que está a afligir Portugal e o resto do mundo.

“Preocupação por se tratar de um novo vírus que estamos agora a descobrir e é necessário um acompanhamento constante da informação científica que vai surgindo. Mas claro que há esperança. Primeiro porque confiamos na responsabilidade social que cresceu na população; segundo porque sabemos que temos profissionais de saúde que estão na vanguarda do conhecimento; por último por sabermos que esta será uma situação autolimitada no tempo mas que obviamente requer grande esforço para que os danos sejam minimizados”, referiu em entrevista à Liga de Clubes o especialista em processo de treino e medicina física que já trabalhou no SC Braga, Shabab Dubai e Al Jazira antes de ir para Alvalade.

Aos portugueses João Pedro pede que “continuem o esforço que têm feito de seguir as recomendações da DGS relativas ao isolamento social e higiene. Evitem ao máximo os contactos sociais, é imperativo isso para minimizar as cadeias de contágio e não saturar o nosso sistema de saúde. É fundamental que a capacidade de resposta dos hospitais se mantenha em níveis aceitáveis para poderem dar melhor tratamento a quem necessitar. A nossa vida e a das outras pessoas depende de nós!”, frisou.

Deixa o teu comentário

Bem-vindo á Antena Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho