Braga, sexta-feira

Vacinação em lares de Barcelos e Esposende arranca esta semana

Regional

04 Janeiro 2021

Redação

Presidente da União Distrital de Braga das Instituições Particulares de Solidariedade Social espera ansioso que as vacinas cheguem a todos os lares do distrito. Por enquanto, os prioritários são as estruturas dos concelhos de Barcelos e de Esposende.

Como os concelhos de Esposende e de Barcelos fazem parte dos municípios que estão num nível prioritário face ao risco extremamente elevado, os utentes e colaboradores dos lares vão ser os primeiros a ser vacinados no distrito de Braga. “Estamos ansiosos que sejam todos vacinados o mais rápido possível”, confirmou o presidente da União Distrital de Braga das Instituições Particulares de Solidariedade Social (UDIPSS), cónego Roberto Rosmaninho Mariz.


No distrito de Braga, “os lares estão integrados na primeira fase, mas a prioridade foi dada aos concelhos que estão em risco extremamente elevado”, explicou ainda o responsável, garantindo que a vacinação decorre durante esta semana.
 

 As várias instituições do distrito “já indicaram número de vacinas que são necessárias e respectivos nomes dos utentes e dos colaboradores para perceberem quais as necessidades e essa informação já foi enviada”, garantiu o cónego Roberto Rosmaninho Mariz, destacando aqui esta “dupla catalogação” por concelhos, “até porque as vacinas não chegam para todos no imediato e a prioridade vai obviamente para os concelhos que estão com mais risco”.


Muitas das Instituições Particulares de Solidariedade Social têm outras valências associadas, nomeadamente ligadas à infância, mas “aí a situação é completamente diferente”.
 

 Neste momento, continuou o presidente da UDIPSS, a vacinação avança apenas nos lares, sendo administrada a utentes e a colaboradores.


A ministra da Saúde, Marta Temido, tinha já adiantado que a prioridade de vacinação contra a Covid-19 no nosso país passaria também pelos lares de idosos e unidades de cuidados continuados integrados, tendo sido definida com base no mapa de risco.
 

Deixa o teu comentário