Braga, quarta-feira

Vitória ao cair do pano para o Burinhosa

Desporto

20 Outubro 2019

Redação

Guerreiros estiveram em dia não. Formação do Burinhosa levou a melhor, com golo de Marquinhos mesmo ao cair do pano, depois de erro do guarda-redes Vítor Hugo. A equipa liderada por Paulo Tavares suou mas não conseguiu levar a melhor (1-2).

O dia foi mau para a equipa do SC Braga/AAUM. Depois de deixar por força, devido às más condições climatéricas, o Pavilhão da UMinho, onde joga, para jogar no Pavilhão de Nogueiró, os Guerreiros viram a sua oportunidade de vitória cair por terra quando faltavam 21,8 segundos.


Um erro de Vítor Hugo, deixou a equipa de Paulo Tavares sem conseguir pontuar. Depois da entrega de bola a Marquinhos, Vítor Higo não teve hipótese de defesa e deixou o Burinhosa levar para casa os três pontos.
 

Na primeira parte a equipa visitante entrou forte e causou algumas dificuldades aos arsenalistas. Logo nos primeiros minutos de jogo Vítor Hugo negou dois golos, um a Matheus e outro a Rick. A primeira boa tentativa do Braga apareceu aos oito minutos, com Tiago Cruz que viu a bola passar ao lado da baliza. Antes do intervalo as duas equipas equilibraram o jogo e as oportunidades foram surgindo, embora sem eficácia.
 

Já no início do segundo tempo , o SC Braga entrou melhor e as oportunidades não pararam de surgir, até que Kiko fizesse estragos na baliza arsenalista, assinalando o 0-1. No entanto, a equipa da casa não se mostrou pressionada e numa jogada individual Douglas, pelo lado esquerdo, apanha Cássio, que de cabeça faz o 1-1. Festa nas bancadas e dentro de campo, que não viria a notar-se no final. A pressão começou a fazer-se sentir pela equipa visitante, que logo a seguir viu o Braga bem perto da sua baliza.
 

O dia era mesmo não, para os Guerreiros que viram Ricardinho ser expulso, por segundo amarelo. As melhores chances foram, contudo para o Braga, que desperdiçou dois livres directos. Felicidade teve o Burinhosa que nos segundos finais da partida, viu Vítor Hugo errar o passe e colocar a bola nos pés de Marquinhos, que finalizou e fez a equipa explodir de alegria.

Deixa o teu comentário